Muito tem se tratado do conceito de ‘crowdsourcing‘, que basicamente se propõe a buscar informações junto às pessoas, ou até mais que isso, o povo faz a notícia.
Claro que isso tudo vem de forma bruta e é preciso lapidar, na linguagem jornalística, usaria: apurar. Isso tem levado a uma proximidade incrível entre veículos de comunicação e público consumidor de informação. Mas até que ponto isso tudo é um perigo? Onde está o filtro da verdade ? Fato é que os meios de comunicação precisam avançar nessa seara e valorizar quem são seus colaboradores nos furos! Enfim, entre as principais fontes de pautas, temos no twitter, um verdadeiro aliado. Mas a apuração precisa caminhar próxima dessa prática. A febre do crowdsourcing não é nova, mas o dinamismo da internet tem dado asas às suas pretensões. Aliados, todos precisamos, o jornalismo ainda mais, mas a falsa informação anda lado a lado com a verdade, resultado, mais trabalho para as redações.

Anúncios